Aluna da UniFG conquista medalha de ouro no JUNES Acadêmico 2020

Publicado em 16 de outubro de 2020.


A estudante Raquel de Souza Cunha, do curso de Direito da UniFG, recebeu a medalha de ouro na Modalidade Acadêmico dos Jogos Universitários do Nordeste 2020. A competição foi realizada no dia 11 de Outubro, de forma on-line, com organização das Federações Universitárias Esportivas do Norte e Nordeste e o apoio da Confederação Brasileira do Desporto Universitário.

Com a pontuação de 9.07, a estudante conquistou a medalha de ouro no Grupo B, além do primeiro lugar geral na competição. Foram inscritos 11 artigos científicos de estudantes das regiões Norte e Nordeste. Os trabalhos foram avaliados em sua parte escrita e por uma apresentação oral. A atleta também compõe a equipe de karatê da UniFG. Em 2019, Raquel conquistou uma medalha de bronze na competição de karatê dos Jogos Universitários Brasileiros (Jubs) e a medalha de ouro nos Jogos Universitários da Bahia (JUBA).

No JUNES, Raquel apresentou um trabalho intitulado “Garantias legais de acesso ao esporte de rendimento: realidade enfrentada por atletas do interior do estado da Bahia”. Praticante de esportes de rendimento há quase 10 anos, a estudante vivenciou as dificuldades para conseguirem auxílio por parte do Poder Público Municipal. “No decorrer dos estudos da graduação do curso de Direito observei que a Constituição Federal reconhece o acesso ao esporte como direito de cada um, bem como o dever do Estado de fomentar as práticas desportivas tanto formais quanto não formais. A partir dessa informação, passei a pesquisar quais deveres o Poder Público Municipal tem para com atletas, especificamente os da modalidade rendimento”.

A apresentação de Raquel está disponível no YouTube:

“Esse resultado é fruto do conjunto de projetos que a UniFG apoia e acredita, como o incentivo ao esporte, e da formação baseada no tripé ensino, pesquisa e extensão”, afirma Mateus Carmo, coordenador do curso de Educação Física da UniFG, que também participou da comissão avaliadora da competição.

O Prof. Mateus Carmo compôs a equipe de professores avaliadores, que foi composta por dois professores da Bahia, dois do Rio Grande do Norte e três do Ceará. “Agradeço ao presidente da Federação Universitária Baiana de Esportes, Simon Vasconcelos, pelo contive, além de acreditar no esporte universitário e em todas as instituições de ensino”.