background

NUPEX

NUPEX – Projetos de Extensão


O Centro Universitário FG – UniFG possui políticas e regulamentos de apoio aos projetos que são divididos em três categorias, dentre elas, o Programa de Apoio a Projetos de Extensão, que tem como objetivo estimular a participação da comunidade acadêmica em ações processuais e contínuas de caráter educativo, social, cultural, científico e tecnológico. Os projetos são submetidos via condições específicas em edital lançado, semestralmente, para seleção das propostas, que posteriormente são avaliadas pelo Comitê Institucional de Pesquisa e Extensão (CIPE).

Política de Pesquisa, Tecnologia e Extensão UniFG

Edital Programa de Apoio a Projetos de Extensão  

Modelo Projeto Extensão e AIC

Tabela de Atividades e Recursos

 Modelo de Preenchimento da Tabela de Recursos

Neste sentido, a UNIFG se destaca, fazendo com que todas as ações de ensino corroborem com liames que remetam à pesquisa e extensão, contribuindo para a materialização indissociável do Ensino, Pesquisa e Extensão, além da difusão de conhecimentos pertinentes às áreas dos cursos de graduação oferecidos pela IES, que são viabilizados mediante projetos.

Assistência Acadêmica em Gestão ao Empreendedorismo Regional (Agestar)

Diante de um mercado cada vez mais competitivo, torna-se fundamental para as micro e pequenas empresas identificarem mecanismos que possibilitem melhorar seu desempenho no mercado. Neste cenário, a UniFG desempenha um papel importante ao fornecer, através dos seus profissionais e estudantes, um suporte em gestão para os pequenos empreendimentos da região.

O projeto Agestar tem como objetivo fornecer um suporte técnico gerencial e formativo inovador a pequenos empreendedores nas áreas de serviço, comércio e produção rural, no município de Guanambi, identificando as dificuldades encontradas pelos pequenos empreendedores relacionadas à gestão dos seus empreendimentos.

As etapas do projeto são caracterizadas por um ciclo contínuo de atividades que discutem a necessidade de qualificação para uma boa gestão de empreendimentos, construção de estratégias inovadoras de gerenciamento administrativo e contábil, monitoramento e desenvolvimento dos empreendimentos nas diferentes etapas e a disseminação de estratégias inovadoras de gestão.

O projeto é formado por uma equipe de professores e pesquisadores dos cursos de Administração e Ciências Contábeis da UniFG e por um grupo de doze alunos (quatro por área envolvida na pesquisa, sendo dois de cada curso), escolhidos por meio de edital específico.

 

 

Primeiros Socorros para Leigos 

Estudos revelam que o treinamento de indivíduos leigos é de extrema importância, visto que situações de emergências como a Parada Cardiorrespiratória – PCR ocorre com maior frequência em ambientes extra-hospitalares. Diante desse cenário, entende-se que as técnicas de primeiros socorros precisam ser trabalhadas nos espaços educacionais de forma que possibilitem o conhecimento das primeiras noções de prevenção de acidentes em situações emergenciais.

O projeto “Primeiros Socorros para Leigos: Atendimento inicial na parada cardiorrespiratória, crise convulsiva e desmaio”, tem como objetivo treinar docentes, vigilantes, equipe administrativa e equipe de apoio para práticas de primeiros socorros em situações de emergência, demonstrando a importância do treinamento para o ambiente de trabalho. O projeto ainda tem como objetivo, treinar equipes de colégios estaduais e municipais a respeito da parada cardiorrespiratória, bem como proceder em situações que demandem a utilização de técnicas de primeiros socorros.

As atividades são divididas em aulas teóricas e práticas. Em um primeiro momento, são abordados, de forma teórica, o conceito e objetivo dos primeiros socorros, as suas ações e procedências, bem como a exposição de técnicas de intervenção. No segundo momento, são demonstradas, de forma prática, as intervenções necessárias em casos de parada cardiorrespiratória, crise convulsiva, desmaio, informações sobre como reconhecer as condições da vítima e como se comportar nas chamadas de solicitação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

 

 

Humanização e Promoção da Saúde através da Palhaçoterapia 

Adoecer é um processo devastador para o indivíduo devido às mudanças psicológicas e/ou fisiológicas que ocorrem no seu organismo, cujo controle pelo paciente não é possível em grande parte dos casos. Considerando essa situação, fornecer um tratamento humanizado, consiste em entender o processo saúde-doença além de conhecimentos científicos. Torna-se necessário compreender que humanizar consiste em adotar uma prática em que profissionais e usuários considerem o conjunto dos aspectos físicos, subjetivos e sociais que compõe o atendimento à saúde.

O projeto “Humanização e Promoção da Saúde através da Palhaçoterapia” busca como promover, através da multidisciplinaridade e arte da palhaçoterapia, o bem estar dos pacientes que estão em hospitais e acolhimentos fixos de modo que possa melhorar a terapêutica e qualidade de vida dos mesmos, amenizando os efeitos negativos que a doença/hospitalização provocam no indivíduo. O projeto conta com a participação de estudantes de diversos cursos de graduação da UniFG.

As ações são mensais e acontecem sempre no turno vespertino em campos de atuação designado previamente (hospital, abrigo, casa de passagem). Após cada ação realizada, são pautadas as experiências vivenciadas pelos participantes, dificuldades encontradas e as sugestões de melhorias que poderão ser realizadas.

 

Consumidor Consciente 

O projeto Consumidor Consciente visa conjugar o aprendizado do aluno sobre o Direito do Consumidor, disciplina ministrada no 7º semestre do Curso de Direito do Centro Universitário UniFG, com a intervenção extensionista na comunidade, tanto no aspecto teórico, como no aspecto prático, sob o viés da cidadania e comprometimento com o contexto de tempo e espaço da realidade social.

Um dos principais objetivos do projeto é proporcionar aos membros da comunidade uma melhor conscientização de seus direitos como consumidores. Ele ainda tem como proposta, capacitar o aluno para o conhecimento prático das situações do dia a dia no Direito do Consumidor, habilitando-o para solucionar problemas concretos das relações que envolvam conflitos na área das relações de consumo.

Os atendimentos são realizados na Feira Municipal e na Praça Gercino Coelho, no centro de Guanambi-BA. Um balcão de atendimento é montado onde são realizados os atendimentos pelos alunos, transformando-os em multiplicadores das informações, materializando uma ponte entre o projeto e a comunidade.